Close

11 de junho de 2021

Buenos Aires – O que fazer

Como funciona o transporte em Buenos Aires

Casa Rosada

Embora seja a sede da presidência da Argentina, a casa presidencial também abriga o Museu da Casa do Governo. Localizada na praça Plaza de Mayo, no distrito de Monserrat. A casa foi declarada em 1942 um Patrimônio Histórico Nacional. Alguns filmes como ‘’ A história oficial’’ e ‘’Evita’’ foram gravadas entre as praças e alguns cômodos do palácio.

O edifício é aberto ao público (apenas na parte do museu e a entrada é gratuita com duração de 30 minutos a visita). O local é ótimo para levar crianças.

Você pode chegar ao local via transporte público. Algumas linhas de metrô interligam diretamente para o museu, então é uma ótima opção para se locomover.

A casa conta com o acesso para:

  • Galeria Bicentenário de Patriotas Latinoamericanos
  • Salão Mulheres Argentinas
  •  Salão Cientistas Argentinos
  •  Salão de Pintores e Pinturas bicentenário argentino
  •  Patio das Palmeiras
  •  Galeria dos Presidentes
  •  Casa Militar
  •  Salão Sur
  •  Salão Branco
  •  Escritório da Presidência.

Bosques de Palermo

Bosques de Palermo são só elogios, entre turistas e moradores de Buenos Aires, o bosque é referência quando o assunto é passeios ao ar livre ou piquiniques. Ótima opção para a família, com um espaço amplo.

O Bosques de Palermo é avaliado pela sua beleza natural e conservação, além de ser bastante agradável, a limpeza e a gentileza dos frequentadores fazem diferença. O Bosque é perfeito para passeios de bicicleta, caminhadas e segundo frequentadores, é um excelente cenário fotográfico e possui uma vista incrível.

Puente de la Mujer

Projeto arquitetado pelo arquiteto Santiago Calatrava, localizado em Buenos Aires, a obra se trata de uma ponte pedestre giratória com um dos mecanismos de giro maiores do mundo, pensado para permitir a passagem das embarcações à vela que navegam pelos diques do Puerto Madero.

A obra, realizada na Espanha e doada à Cidade por um particular, representa a imagem de um casal que dança o tango, onde o mastro branco simboliza o homem e a silhueta curva da ponte da mulher.

É um local bastante procurado para turistas para fotos e encontros, lá na frente do momento há um pequeno restaurante e algumas lojas, o que é ótimo pra apreciar a vista e curtir o momento.

El Rosedal

Inspirados pelos parques românticos de Paris, o El Rosedal, localizado em Buenos Aires e é um dos parques mais visitados de Buenos Aires. O Parque atualmente conta com aproximadamente 20 mil flores, entre rosas e outras espécies. O Parque possui uma ampla equipe de funcionários que são totalmente minuciosos nas questões de limpeza e entre outros, os funcionários são atenciosos e mantêm todas as informações necessárias.

Segundo moradores e turistas a melhor época de visitar o parque é entre 20 de setembro e 21 de dezembro, é a época em que as flores tendem a ficarem mais ‘’bonitas’’. Porém, pode-se visitar o ano todo. A princípio o El Rosedal também possui algumas atrações para crianças como pedalinhos e atrações infantis.

Biblioteca Nacional da Argentina

A maior biblioteca de Buenos Aires, reúne as melhores fontes bibliográficas que o país já teve. Uma espécie de relíquia literária, o ambiente é encantador para quem é amante dos livros.

A Biblioteca Nacional Mariano Moreno da República Argentina, fundada como Biblioteca Pública de Buenos Aires no marco da Revolução de Maio, guarda e protege, por meio das mais modernas técnicas de biblioteca, os materiais com os quais foram forjadas as diferentes idéias e tempos de o país, que disponibiliza aos cidadãos como oportunidade de repensar os enigmas da cultura coletiva.

Se você quiser saber mais sobre essa belezura, antes de ir até la, dê uma olhada no tour virtual que a biblioteca oferece.

https://www.bn.gov.ar/recorrido/recorridonuevo.html

Cemitério da Recoleta

É bastante estranho colocar um cemitério como ponto turístico, mas o Cemitério da Recoleta é colocado como um dos pontos mais visitados de Buenos Aires. O cemitério é uma espécie de bairro ‘’privado’’ e bastante custeado em Buenos Aires.

O Cemitério é uma espécie de Museu para artistas, acreditem ou não os túmulos são bastantes visitados pelos turistas por questões de curiosidades. Alguns youtubers brasileiros já visitaram o Cemitério da Recoleta.

Entre alguns guias, o destino do Cemitério é um dos mais procurados, pode parecer estranho mas o ‘’museu’’ é bastante visitado, procurado e curioso..

Leia também sobre: Buenos Aires- Onde Ficar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *