Close

23 de junho de 2021

Salvador- O que fazer

Comece sem dúvidas pelas ruas do Pelourinho, cheio de museus e centros culturais, o Pelourinho também é conhecido pela arquitetura charmosa e colorida
Para começar o dia sentindo o clima da cidade, vá de passeio histórico. Segundo dia – Rota das praias
Mar de salvador, praia de Itapuã, com barcos na areia
Conhecida por ser a cidade com uma igreja para cada dia do ano – na verdade, ao todo, são 372 igrejas, o que dá mais de uma por ano -, muitas banhadas à ouro e com arquiteturas sofisticadas, elas mostram o poder dos portugueses que impuseram o catolicismo aos negros e indígenas, enquanto o candomblé resistia e compunha a cultura da cidade.

Tida como a primeira capital do Brasil, de 1549 a 1763, o lugar foi moradia dos imperadores e da Corte Real e é um prato cheio para quem quer se transportar para o passado e resgatar informações sobre os primeiros anos desde a descoberta do País.

A praia de Itapuã, em Salvador, é conhecida por conta da canção de Vinícius de Moraes
Se você é daqueles que adora conhecer mais sobre o passado do País e procura ampliar os horizontes culturais, quer provar uma gastronomia diferente e original e ainda não abrir mão do descanso e do contato com a natureza, esse é o destino perfeito. Para conseguir explorar mais do litoral soteropolitano, se estiver de carro, uma ideia é ir passando pelas praias vizinhas, partindo da Praia do Flamengo em direção ao Centro.

Para aproveitar o fim de tarde, você pode descer pelo Elevador Lacerda e ir até o Mercado Modelo fazer compras. Ao visitar o Elevador Lacerda, não esqueça de tirar uma foto da famosa Baía de Todos-os-Santos

Se optar por andar por conta própria, não se deixe intimidar pelas portas principais das igrejas fechadas – a entrada é feita geralmente pela lateral. Para conseguir explorar ao máximo o melhor de cada atração soteropolitana, o iG Turismo separou um roteiro de quatro dias para você planejar a sua viagem sem perder nada, visitando os melhores pontos turísticos de Salvador .

A região mais com mais atrações históricas do município deve ser visitada cedo, entre 8h e 9h para conseguir aproveitar as famosas igrejas do local.

A praia é considerada uma das mais bonitas de Salvador, com águas verdes e cristalinas e conta com um ambiente mais reservado do que suas vizinhas Stella Maris e Itapuã. Além disso, a região conta com belas praias e paisagens naturais de tirar o fôlego. Pelourinho é um dos bairros mais famosos de Salvador

 

Dessa forma, você também consegue conhecer outras praias de Salvador , como Stella Maris, Itapuã – e curtir um pouco do clima descrito por Vinícius de Moraes na famosa canção Construção rosa, localizada no Pelourinho

Lá você encontra o famoso Elevador Lacerda – que liga a Praça Cairu, na Cidade Baixa -, e diversos prédios públicos como o Palácio Rio Branco (antiga sede do governo da Bahia e aberto à visitação) e Câmara de Vereadores de Salvador. A primeira indicação aqui é a Praia do Flamengo, que fica um pouco mais afastada do Centro, a 26 km, próxima à divisa com o município Lauro de Freitas. são tantas opções que fica difícil escolher a melhor. Turismo
Turismo
Os pratos, maioria de origem africana, são diferenciados pelo tempero mais forte à base de azeite de dendê, leite de coco, gengibre e pimenta. Esse serviço é pago, mas muitos se aproximam dos turistas perguntando se podem contar a história do local, o que pode parecer uma “gentileza” para os desavisados. Se quiser saber mais sobre a história do local, você pode contratar o serviço de guias, que geralmente oferecem um tour pelas catedrais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *